As principais vantagens dos escritórios compartilhados são redução de gastos, networking e trabalho em conjunto.

Surgindo como um novo formato de escritório, não há dúvidas que o coworking é uma tendência para aqueles que querem construir juntos uma nova experiência de trabalho. Fugindo dos moldes tradicionais dos escritórios, o cotrabalho oferece aos seus usuários o desejo de empreender e ter a liberdade de criar coisas novas.

Esse conceito se fortaleceu rapidamente e desde 2015 muitos investiram nesse modelo. Porém, afinal, quais são os benefícios de se trabalhar em um escritório compartilhado? Na era da mobilidade e do compartilhamento, não faz mais sentido investir recursos preciosos — e cada vez mais escassos — em aluguéis e manutenção de escritórios. O coworking vem como uma forma de reduzir os custos, já que a manutenção de escritório comum pode ultrapassar o valor de um ambiente compartilhado, é o que explica a fundadora do Concept Offices, Sandra Belo. “Aqui as pessoas trabalham com um serviço de copa, de telefonia, de internet e aluguel por um preço acessível. É muito mais vantajoso para uma empresa, é uma forma de sobrevivência e de redução de gastos”.

Outro ponto que chama a atenção de quem deseja trabalhar em um escritório compartilhado é a possibilidade de fazer networking, mas além disso vêm também a sensação de não se sentir sozinho no ambiente de trabalho. “Muitas vezes, principalmente quem trabalha home office ou têm uma pequena empresa, sente como se estivesse trabalhando completamente sozinho e isso pode trazer uma sensação de solidão. O coworking, além de ser uma excelente forma de conhecer novas pessoas e compartilhas experiências, é essencial para que você se sinta trabalhando em conjunto”, explica o idealizador do Coworking Concept, Márcio Bernardino.

A possibilidade de marcar reuniões com clientes, fornecedores e outros profissionais sem perder a imagem de profissionalismo é um dos pontos fundamentais que também brilham os olhos das empresas que desejam trabalhar em coworking. Por vezes, principalmente aquelas pessoas que trabalham home office, não têm onde se reunir e o escritório compartilhado é uma excelente saída para esse tipo de situação. Além disso, há inúmeras possibilidades quanto ao tipo de ambiente, podendo o profissional encontrar algo que se adeque perfeitamente às suas preferências. O Coworking Concept Offices, por exemplo, não possui identidade visual definida, porque tem como princípio “um lugar para chamar de seu”, já que a ideia do ambiente é que seja o seu escritório, sua propaganda e seus colaboradores.

Com tantas vantagens, até mesmo as grandes corporações vêm se rendendo aos benefícios oferecidos pelos escritórios compartilhados. Apesar de contarem com prédios próprios, muitas multinacionais e grandes empresas têm optado por espaços de coworking não só para projetos pontuais ou de curta duração, mas também como benefício para aqueles funcionários que desejam trabalhar home office ou em coworking. O escritório compartilhado é uma realidade vivenciada por muitos brasileiros e empresas hoje em dia.